terça-feira, 23 de maio de 2017

Floresta Negra de Morangos



Ingredientes:



Para o bolo:



100 gr. de açúcar

60 gr. de farinha de trigo

40 gr. de farinha maisena

8 gemas

4 claras

50 gr. de cacau amargo

1 pacotinho de açúcar baunilhado



Para o recheio:



500 gr. de morangos

2 pacotes de natas para bater (400 ml. no total)

100 gr. de açúcar

4 folhas de gelatina



Preparação:



Comece por forrar um tabuleiro rectangular com papel vegetal. Pré-aqueça o forno a 200º.

Bata as gemas com o açúcar e o pacotinho de açúcar baunilhado com uma vara de arames até obter uma mistura suave e esbranquiçada. Entretanto bata também as claras em castelo firme. Incorpore-as delicadamente na mistura das gemas. Termine envolvendo pouco a pouco as duas farinhas e o cacau misturados, peneirados. Deite a mistura no tabuleiro. Alise com uma espátula para que fique direito.

Baixe o forno para 180º e leve a cozer 10 minutos. Certifique-se com um palito que a massa está cozida. Desenforme de imediato sob um pano de cozinha polvilhado com açúcar. Deixe arrefecer para colocar o recheio. Se quiser pode optar por seguir com uma torta. Eu optei por cortar o bolo ao meio com uma faca afiada e posteriormente cortei o rectângulo em dois. Fiquei com quatro quadrados que foram sobrepostos e recheados com creme de morangos.
 
Enquanto o bolo arrefece comece por bater as natas que devem estar bem frias. Junte o açúcar e continue a bater até obter um chantilly bem firme. Triture os morangos com uma varinha mágica ou com um esmagador de fruta se preferir que fique com bocadinhos de morango. Demolhe as folhas de gelatina e leve-as 20 segundos ao microondas. Junte aos morangos esmagados. Por fim incorpore-os nas natas delicadamente e aos poucos para não perder o ponto do chantilly.

Recheei três camadas de bolo e cobri a superfície com uma quarta camada. Por fim decorei com morangos laminados. Mantenha no frigorífico e sirva bem fresca.

Esta é uma adaptação da floresta negra original que é feita com cerejas e, antes do creme, as camadas são pinceladas com licor.
 
Fonte original todos os direitos reservados a: http://cozinha-sem-tabus.blogspot.pt

Sem comentários:

Enviar um comentário

Printfriendly